Defesa Civil promove reunião do projeto O que faremos na hora H - Rádio Sentinela do Vale

Gaspar / SC
14 de Dezembro de 2018

Página Inicial Rádio Sentinela do Vale!

Rádio Sentinela do Vale

Programação

Melodia Sertaneja

12:00h

Melodia Sertaneja

Ouça Agora

Programa  A Tarde é Nossa

13:00h

Programa A Tarde ...

Na sequência

SHOW DE BANDAS

14:00h

SHOW DE BANDAS



Defesa Civil promove reunião do projeto O que faremos na hora H

14/03/2018 11:13

A Prefeitura Municipal de Gaspar, por meio da Superintendência da Defesa Civil, realizou na última terça-feira (06) mais uma reunião de trabalho com a equipe gestora do projeto de educação em saúde ambiental O que faremos na hora H.

O objetivo do projeto é criar núcleos de proteção e defesa civil, com a formação de 120 voluntários, que atuarão de forma preventiva em suas comunidades, e promover ações de preparação e auxiliar na resposta a eventos adversos e desastres naturais.

A reunião aconteceu nas dependências do IFSC Gaspar e contou com a participação de membros do grupo gestor do projeto, composto por membros de várias secretarias. Também contou com a presença da Reitora do IFSC, Dra. Ana Paula, e sua equipe, da Dra Noêmia, da Universidade Regional de Blumenau - Furb, da acadêmica de psicologia Raquel e Sargento Gil, do Corpo de Bombeiros Militar.

As reuniões do projeto estão acontecendo de forma mensal, para que seja dada a continuidade no planejamento e execução do projeto, e em parceria com o IFSC, que junto com a Defesa Civil, será responsável por planejar e executar todas as etapas do projeto.

São elas:

- identificação de lideranças nas comunidades,

- divulgação e apresentação da proposta de formação de voluntários e formação dos núcleos de proteção e defesa civil e

- garantir ações para a continuidade dos núcleos com palestras, treinamentos, capacitações e simulados.

Para o Superintendente de Proteção e Defesa Civil, Rafael Araujo de Freitas, a parceria com o IFSC e profissionais renomados em gestão pública e educação ambiental, proteção e defesa civil será o grande diferencial na formação e manutenção dos núcleos. “Gaspar já tentou criar os núcleos no passado, assim como outros municípios, porém, devido a falta de atividades, os núcleos acabam deixam de atuar na comunidade após a formação”, explica.  


Todos os direitos reservados © 2018

| Rádio Sentinela do Vale - Rua São Pedro, 245 - Centro / Gaspar | Telefone: (47) 3332-0783

by SoftD