Defesa Civil registra 43 ocorrências devido as chuvas dessa semana - Rádio Sentinela do Vale

Gaspar / SC
19 de Julho de 2024

Página Inicial Rádio Sentinela do Vale!

Rádio Sentinela do Vale

Programação

Programa Antonio Rocha

13:00h

Programa Antonio R...

Ouça Agora

SHOW DE BANDAS

16:00h

SHOW DE BANDAS

Na sequência

Oração da Ave Maria

18:00h

Oração da Ave Mari...



Defesa Civil registra 43 ocorrências devido as chuvas dessa semana

03/11/2023 10:49

A Defesa Civil de Gaspar segue em estado de atenção por conta das chuvas no município. A previsão é de tempo firme nos próximos dias, o que deve amenizar a situação. O nível do Rio Itajaí-Açu atingiu o pico de 6,56m à meia-noite, estabilizou e começou a abaixar às 3h. Às 10h deste sábado, dia 4 de novembro, a régua marcava 6,01m. Desde a noite de quinta-feira, dia 2 de novembro, choveu mais de 100mm no município. Foram registradas, até o momento, 44 ocorrências, sendo a maioria deslizamentos e alagamentos.

Na sexta-feira a Prefeitura de Gaspar ativou um abrigo na Comunidade Santa Terezinha, na Rua Barão do Rio Branco, próximo à padaria Nicoletti para receber pessoas e móveis. Durante a noite uma família de seis pessoas ficou alojada no local. Com a saída da família na manhã deste sábado e a previsão de condições climáticas melhores, o arigo foi desativado.

Das 43 ocorrências no município, foram registrados 21 deslizamentos, 18 alagamentos, 1 queda de árvore, 1 análise de risco e 2 pedidos de auxílio técnico. Algumas ruas seguem alagadas na manhã deste sábado, sendo elas:
Figueira
Rua José Mondini (final da rua)
Rua Alfazema
Rua Petunia
Rua Magnolia
Rua Amor Perfeito (final da rua)
Avenida Hilberto Gertner
Rua Lírio
Rua Francisco Silverio Scheidt (1 casa atingida)
Rua Manoel Bernardo da Silva
Rua Olga Sabel (final da rua)
Rua Paulo Bailer (final da rua)

Coloninha
Rua Maestro Egon Bohn (final da rua)
Rua Arnoldo Koch (final da rua)
Rua Alicio Hugo Hostins
Rua Francisco Wessling

A Defesa Civil também alerta para o risco de rajadas de vento de risco moderado, previstas para ocorrerem até as 18h deste sábado. Há risco de destelhamentos, danos à rede elétrica, queda de árvores e galhos. Por isso, a Defesa Civil pede atenção e cuidado.

As equipes da Prefeitura de Gaspar e da Defesa Civil permanecem em plantão pelo número 199 ou pelo WhatsApp (47) 99236 – 2147, realizando monitoramento constante das áreas de risco. A população pode acompanhar os alertas e informações através do site da Defesa Civil de Gaspar ou do aplicativo Alerta Gaspar, disponível para sistemas Android e iOS

Samae alerta possível falta de água, por conta da alta turbidez do Rio Itajaí - Açu

Bairros Barracão e Bateias podem ser os primeiros afetados

Diante do registro de elevações do consumo de água em algumas regiões da cidade, neste sábado, dia 4, o Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto de Gaspar (Samae) faz um alerta à população e solicita a colaboração de todos, para que o sistema de distribuição não seja comprometido. Os bairros que podem sofrer com um possível desabastecimento são o Bateias e Barracão.

Mesmo com todas as Estações de Tratamento de Água (ETAs) operando acima da capacidade normal, elas não conseguem atender a demanda por conta do alto consumo. Isso acontece porque a água está com níveis de turbidez acima do normal, por conta da elevação do nível do Rio Itajaí- Açu, ou seja, com muito mais sujeiras e isso provoca uma lentidão no tratamento da água e armazenamento nos reservatórios.

A alta turbidez da água significa que a água está turva devido a pequenas partículas sólidas nela, como excesso de areia. Isso dificulta o tratamento da água nas estações de tratamento.

O Samae solicita a colaboração da comunidade para utilizar a água de forma consciente durante este período. É fundamental que os moradores compreendam a importância das caixas d’água nestas situações, pois os reservatórios ajudam a minimizar possíveis impactos.

A autarquia reitera seu compromisso em garantir a qualidade e a continuidade do abastecimento de água para toda a população e está à disposição para esclarecer quaisquer dúvidas ou fornecer informações adicionais por meio do número (47) 3091-2095.

Defesa Civil de Gaspar segue em alerta máximo por conta das chuvas no município. O nível do Rio Itajaí-Açu atingiu 4,88 metros às 13h. Choveu cerca de 75 mm no município desde a noite de quinta-feira (2). A projeção é que o nível do Rio atinja a marca de 5,30 metros, às 15h.

Por isso, um abrigo na Comunidade Santa Terezinha, na Rua Barão do Rio Branco, próximo à padaria Nicoletti, já está aberto para receber a comunidade. Móveis também serão aceitos no local.

Até o momento, foram registradas 26 ocorrências no município, sendo 11 alagamentos em via pública, três alagamentos em propriedade particular, dez ocorrências de deslizamento em via pública, três em propriedade particular e uma queda de árvore. A Rua Paulo Arquelau Roncaglio, no Óleo Grande, está parcialmente interditada, por conta de um deslizamento.

As aulas nas Escolas Rudolfo Günther no Bairro Gaspar Alto e Ervino Venturi, no Santa Terezinha, estão com as atividades suspensas durante o período vespertino, por conta da dificuldade de acesso no local. A Defesa Civil neste momento concentra os esforços em locais próximos a ribeirões, que estão transbordando.

As equipes da Prefeitura de Gaspar e da Defesa Civil permanecem em plantão pelo número 199 ou pelo WhatsApp (47) 99236 – 2147, realizando monitoramento constante das áreas de risco. A população pode acompanhar os alertas e informações através do site da Defesa Civil de Gaspar ou do aplicativo Alerta Gaspar, disponível para sistemas Android e iOS.

Fonte: PMG

Matéria Anterior

A Prefeitura de Gaspar, por meio da Superintendência de Defesa Civil, informa que nesta sexta-feira, dia 3, já registrou seis ocorrências devido à chuva que ocorre no município desde quinta-feira, dia 2. Além disso, o município já acumulou uma média de 75 mm de chuva. O nível do Rio Itajaí – Açu está dentro da normalidade, com 3,75 metros.

Foram registrados três alagamentos em via pública, um alagamento em propriedade particular, um deslizamento em via pública e um deslizamento em residência nos bairros Gaspar Alto, Gasparinho, Gaspar Grande, Santa Terezinha e Figueira. Os agentes da Defesa Civil já estão realizando vistorias e prestando orientações à comunidade.

De acordo com a previsão do tempo, as chuvas devem continuar intensas até sexta-feira, dia 3, com uma expectativa de mais 40 mm. Devido ao solo encharcado, o risco de deslizamentos ainda é alto. Pessoas que residem próximas a encostas e áreas de risco devem ficar atentas a qualquer movimentação. Caso percebam algum movimento do solo, a orientação é ligar imediatamente para o número 199 e, em casos mais graves, sair de casa e procurar abrigo.

Em casos de alagamentos ou acúmulo de água em vias, é importante evitar o contato com as águas e não dirigir nessas áreas. Também evitem transitar em pontilhões e pontes submersas e tenham cuidado com crianças próximas de rios e ribeirões.

As equipes da Prefeitura de Gaspar e da Defesa Civil permanecem de plantão pelo número 199 ou pelo WhatsApp (47) 99236 – 2147, realizando monitoramento constante das áreas de risco. A população pode acompanhar os alertas e informações por meio do site da Defesa Civil de Gaspar ou do aplicativo Alerta Gaspar, disponível para sistemas Android e iOS.

Fonte: PMG

Todos os direitos reservados © 2024

| Rádio Sentinela do Vale - Rua São Pedro, 245 - Centro / Gaspar | Telefone: (47) 3332-0783

by SoftD