Dia D da Vacinação contra o Sarampo será neste sábado (15) de fevereiro - Rádio Sentinela do Vale

Gaspar / SC
27 de Fevereiro de 2020

Página Inicial Rádio Sentinela do Vale!

Rádio Sentinela do Vale

Programação

ARENA SERTANEJA

15:00h

ARENA SERTANEJA

Ouça Agora

SÓ MODÃO

17:00h

SÓ MODÃO

Na sequência

Oração da Ave Maria

18:00h

Oração da Ave Mari...



Dia D da Vacinação contra o Sarampo será neste sábado (15) de fevereiro

13/02/2020 10:48

Foto Divulgação

Neste sábado dia 15 de fevereiro, a Secretaria da Saúde de Gaspar, irá realizar o dia D da vacinação contra o Sarampo.  A dose da vacina pode ser tomada em qualquer Unidade de Saúde do município exceto a do bairro Lagoa que continua fechada para reforma

Poderão receber a vacina neste ano,  pessoas com idade entre 6 meses e 49 anos, já que o estado de Santa Catarina ampliou a idade devido os casos registrados nos últimos meses. Quem tem menos de 29 anos  precisa tomar a segunda dose da vacina.

A campanha contra o sarampo integra um conjunto de ações para imunizar a população contra doenças que haviam sido eliminadas. Além de apresentar a caderneta de vacinação, quem tomar a primeira dose precisa retornar as unidades de saúde 30 dias depois para se submeter à segunda medicação. Quem se vacinou e tomou as doses exigidas não precisa participar do novo cronograma.

O sarampo é uma doença infecciosa grave, ocasionada por um vírus que pode ser letal. A transmissão ocorre por meio da tosse, fala, espirro ou respiração de pessoas contaminadas. A única maneira eficaz de evitar o sarampo é por meio da vacina.

Os principais sintomas surgem entre 10 e 14 dias e ocasionam febre acompanhada de tosse, irritação nos olhos, nariz congestionado ou com corisa escorrendo e mal-estar intenso. Outros sinais podem surgir como manchas vermelhas no rosto e atrás das orelhas que ainda podem se espalhar pelo corpo.

Entre as complicações mais comuns decorrentes do sarampo estão infecções bacterianas como pneumonia ou otite (inflamação no ouvido). Também podem ocorrer sequelas mais graves, como encefalite (infecção cerebral) e lesões cerebrais. Conforme informações de Jicéli Petró Diretora Geral de Vigilância em Saúde do município de Gaspar.

Reportagem: Gil Dias

Todos os direitos reservados © 2020

| Rádio Sentinela do Vale - Rua São Pedro, 245 - Centro / Gaspar | Telefone: (47) 3332-0783

by SoftD