Frei Lindolfo celebrou Missa de domingo à noite da Festa de São Pedro - Rádio Sentinela do Vale

Gaspar / SC
17 de Novembro de 2017

Página Inicial Rádio Sentinela do Vale!

Rádio Sentinela do Vale

Programação

Espaço da Mulher

15:00h

Espaço da Mulher

Ouça Agora

Paisagem Sertaneja

16:00h

Paisagem Sertaneja

Na sequência

SÓ MODÃO

17:00h

SÓ MODÃO



Frei Lindolfo celebrou Missa de domingo à noite da Festa de São Pedro

A Festa do Padroeiro São Pedro Apóstolo de Gaspar terminou com a última Missa à noite, celebrada por Frei Lindolfo Jasper, que lembrou ser a festa de São Pedro e São Paulo uma das mais antigas da Igreja.  “Ela já é celebrada desde os primeiro séculos do cristianismo”, explicou o celebrante. “Esses dois apóstolos são considerados por todos os fiéis como as primeiras colunas da Igreja de Jesus, espalhadas por toda terra. São os fundadores da Igreja de onde nasceram todas as demais unidades cristãs”, acrescentou.

A festa de São Pedro e São Paulo confirma a autenticidade da Igreja fundada por Jesus. “Todos se orgulham quando falamos de uma Igreja santa, mas os pensamentos mudam  quando se pensa na Igreja instituição que representa o lado humano da Igreja, sempre duramente criticada não só por quem não comunga a doutrina da Igreja mas, infelizmente, até de pessoas que fazem parte de nossa Igreja”, disse Frei Lindolfo.

Segundo ele, Jesus não edificou sua Igreja sobre homens especiais, dotados de superpoderes, mas sobre um pescador da Galileia que representa bem os homens de todos os tempos, pela sua fragilidade, pelos seus enganos, pelas suas decisões erradas. “São Pedro através de suas palavras, dos seus gestos, consegue atrair os leitores na Sagrada Escritura. Em algumas passagens encontramos testemunhos belíssimos, em outros momentos encontramos incoerências, como quando Jesus anunciou a sua paixão e morte. São Pedro quis convencê-lo do contrário e Jesus o chamou de Satanás.

Muita gente acredita que, depois de Pentecostes, São Pedro criou juízo, transformou-se num modelo de santidade e perfeição”, explicou o celebrante, mas ressalvando que o seu relacionamento com São Paulo foi bastante conturbado. “Tiveram divergências, desentendimentos, pensamentos contrários em relação à doutrina. O que precisamos entender sobre essas divergências? Precisamos entender que a ação de Deus e ação do Espírito Santo em nossa vida não anulam aquilo que é humano. Não existem duas Igrejas: uma humana e outra divina, que competem entre si para ver quem é mais poderosa. A Igreja é construída sobre homens como aconteceu com Pedro, a quem Jesus prometeu entregar as chaves do reino dos Céus”, continuou o frade.

“Nós também não entregamos a chave da nossa casa para qualquer pessoa, a não ser aquela em quem temos plena confiança. Quem tem amor verdadeiro, sempre confia e ajuda o outro a crescer. O mesmo acontece em relação a Deus e ao homem. Desde o início da história da salvação, onde Deus fez aliança com os homens, através de Abrahão, Deus apenas exigiu só uma coisa: fé”, observou.

Para Frei Lindolfo, professar a fé em Jesus Cristo não é apenas ter uma vida boa, mas é aceitar ser discípulo dele. “Aprender cada ensinamento, moldando-nos e transformando nossa vida num Evangelho vivo. A fé não é um ponto de chegada, mas é um ponto de partida. Ela nos faz ver o longo caminho que temos de fazer, seguindo as pegadas do Mestre, colocando-nos à disposição, sendo perseverantes, enfrentando todos os riscos que o seguimento a Jesus possa nos trazer”, adiantou.

Por último, disse que a fé não é solução mágica para os problemas humanos, nem conquista de causas impossíveis. “É através de nossa fé que percebemos Deus agindo na nossa vida. Como aconteceu com São Pedro na primeira leitura de hoje, que foi libertado da prisão por um anjo do Senhor. A fidelidade em Deus sempre nos dá essa certeza: Deus sempre caminha conosco”, completou.

Texto: Moacir Beggo

Reportagem: Jean Carlo

 

Todos os direitos reservados © 2017

| Rádio Sentinela do Vale - Rua São Pedro, 245 - Centro / Gaspar | Telefone: (47) 3332-0783

by SoftD