Operação para combater ação de caixeiros tem oito presos em Joinville - Rádio Sentinela do Vale

Gaspar / SC
23 de Maio de 2018

Página Inicial Rádio Sentinela do Vale!

Rádio Sentinela do Vale



Operação para combater ação de caixeiros tem oito presos em Joinville

07/02/2018 14:45

Na manhã desta quarta-feira, oito pessoas foram presas durante operação da Polícia Civil em Joinville. A ação, intitulada Cofre Seguro, tinha como alvo desmantelar uma organização criminosa especializada em arrombar agências bancárias do Estado. Além dessas prisões, outro integrante da quadrilha foi preso no bairro Itaquera, em São Paulo.

Ao todo, foram cumpridos sete mandados de prisão – seis em SC e um em SP – contra a organização. Outras duas pessoas também foram presas em flagrante durante a operação, por posse ilegal de arma e de dinheiro falso. Conforme o delegado da 3ª Delegacia de Polícia Civil da cidade, Murillo Batalha, os mandados foram cumpridos em bairros da zona Leste e Sul de Joinville. 

A investigação começou há cerca de dois meses, depois do arrombamento de uma agência bancária na área Central de Joinville. Durante a apuração, a Polícia Civil verificou que a quadrilha seria responsável por pelo menos seis ações criminosas, realizadas no período de um mês e meio. Os arrombamentos ocorrem em várias cidades de Santa Catarina.  

— É uma organização criminosa extremamente preparada e violenta. Eles invadem as agências bancárias no período da noite, subtraem tudo o que tem nos cofres das agências — afirma o delegado responsável.  

A quadrilha praticava os furtos aos finais de semana. A investigação apontou que na sexta-feira, parte dos assaltantes ia até o banco e realizava o arrombamento, desligava o circuito de monitoramento e alarmes. No sábado, outro s integrantes faziam a planta do local, indicando a localização exata dos cofres e e caixas eletrônicos. Já no domingo, a quadrilha invadia a agência e praticava o furto, retirando altas quantias em dinheiro. 

A investigação também indicou que o integrante preso em São Paulo, teria contato com o funcionário de uma empresa de segurança, que faz o monitoramento de várias agências. Este colaborador alertaria o integrante da quadrilha, dando coordenadas e atrasando o chamado à polícia no momento em que o alarme era acionado. O nome da empresa ainda não foi divulgado pela Polícia Civil.

— Um veículo também foi apreendido. Durante a prática de um dos crimes, eles não conseguiram arrombar o cofre da agência, então eles colocaram o cofre inteiro no Divulgação do veículo — explica Batalha. 

Além das prisões, a Polícia Civil cumpriu 17 mandados de busca e apreensão em Joinville, cerca de 30 policiais participaram da operação.  Segundo o delegado, dentre os presos estão suspeitos da mesma família. Eles foram encaminhados para a Central de Polícia, onde foram interrogados. Já o suspeito detido na Capital Paulista deve ser transferido para a cidade nos próximos dias. 

Após os depoimentos, oito presos serão encaminhados ao Presídio Regional da cidade e um para Polícia Federal, devido à posse de moeda falsa. Todos os suspeitos devem ser autuados por associação criminosa e furto qualificado. 

Fonte: Diário Catarinense
Link de origem
Revisão e responsabilidade do site

Todos os direitos reservados © 2018

| Rádio Sentinela do Vale - Rua São Pedro, 245 - Centro / Gaspar | Telefone: (47) 3332-0783

by SoftD