Procon monitora preços durante a Black Friday em Gaspar - Rádio Sentinela do Vale

Gaspar / SC
17 de Janeiro de 2021

Página Inicial Rádio Sentinela do Vale!

Rádio Sentinela do Vale



Procon monitora preços durante a Black Friday em Gaspar

24/11/2020 18:25

Nesta sexta-feira (27), ocorre mais uma edição da Black Friday, campanha de descontos no varejo que se popularizou no Brasil, conhecida por proporcionar grandes descontos ao consumidor. Mega liquidações, prazos de pagamentos longos e ofertas irresistíveis, fazem com que os consumidores sejam atraídos pelas compras, mas é sempre bom ter atenção.

Por esse motivo, a Prefeitura de Gaspar, por meio da Coordenadoria Municipal de Defesa do Consumidor (Procon) realiza o monitoramento de preços em lojas de eletrodomésticos do município, a fim de evidenciar uma possível “maquiagem de preço”, que consiste em aumentar o valor dos produtos semanas antes para depois anunciar supostos descontos.

Com esse monitoramento, o Procon poderá verificar se as promoções anunciadas são verdadeiras ou não. Pois uma prática bastante comum no comércio tem sido elevar o valor da mercadoria nos dias anteriores e depois voltar para o preço anterior. No ano passado, por exemplo, duas lojas foram autuadas durante o período da Black Friday.

De acordo com o superintendente do Procon de Gaspar, Thiago Zardo, é necessário atenção redobrada na hora da compra. “Nesse período é importante que o consumidor pesquise antecipadamente. Algumas empresas sobem o valor na véspera das promoções e baixam na data como se fosse uma oferta. Prática essa considerada publicidade enganosa, se ele tiver ciência de preços e propagandas enganosas, o consumidor pode procurar o Procon e realizar uma denúncia”, salienta.

Na sexta-feira, 27, o órgão fará uma intensa fiscalização nas lojas para coibir a prática irregular de vendas. “O Procon seguirá atento nas fiscalizações na Black Friday. Nos casos constatados de propaganda enganosa por precificação, e empresa será notificada para que corrija imediatamente e apresente defesa, no prazo legal, sendo cabível a aplicação multa”, finaliza, Thiago.

Confira algumas orientações do Procon:

• Desconfiar quando achar um produto com preço muito abaixo do mercado. Verificar os antecedentes da empresa, as reclamações, se ela possui CNPJ, endereço de contato, SAC. Depois de efetuada a compra, e se o consumidor não possuir os dados mínimos de contato, não há como proceder com a abertura de reclamação no Procon.

• Cuidar com os sites desconhecidos e sem procedência. Buscar informações com outras pessoas e verificar se o site contém as ferramentas de segurança e certificados, se a loja virtual possui CNPJ e telefone de contato.

• Na compra de eletrônicos/eletros é obrigação do lojista entregar o manual com instruções em Língua Portuguesa, manual de garantia e Nota Fiscal. A recomendação é que se teste o produto antes de sair da loja verificar o funcionamento, tendo em vista que, após retirado o produto do estabelecimento e ocorrer vício, o consumidor terá que encaminhá-lo à assistência técnica e aguardar o prazo de 30 dias.

• O consumidor deve exigir a nota fiscal, pois é seu comprovante de compra e deve ficar atento às promoções.

• Se a compra não chegar ao prazo estipulado, o consumidor poderá solicitar a entrega forçada da mercadoria, ou aceitar outro produto e pedir o cancelamento, com a devolução da quantia paga. O fornecedor deve estipular um prazo de entrega. Contudo, para isso, o consumidor deve ter informações mínimas da loja e documentos comprobatórios da compra.

Para os consumidores que se sentirem lesados ou quiserem denunciar falsos descontos, poderão ligar para o número (47) 3332-9539 ou enviar mensagem para o WhatsApp (47) 99930-3212.

Fonte: PMG

Todos os direitos reservados © 2021

| Rádio Sentinela do Vale - Rua São Pedro, 245 - Centro / Gaspar | Telefone: (47) 3332-0783

by SoftD