Santa Catarina é o Estado com maior número de pessoas casadas - Rádio Sentinela do Vale

Gaspar / SC
28 de Outubro de 2020

Página Inicial Rádio Sentinela do Vale!

Rádio Sentinela do Vale

Programação

Encontro com as Comunidades

11:45h

Encontro com as Co...

Ouça Agora

Melodia Sertaneja

12:00h

Melodia Sertaneja

Na sequência

Programa Benvindo Miglioli

13:00h

Programa Benvindo ...



Santa Catarina é o Estado com maior número de pessoas casadas

Casa-se mais em Santa Catarina do que em qualquer outro Estado do Brasil. A conclusão vem da Pesquisa Nacional por Amostra de Domícilios (PNAD) 2009, divulgada nesta quarta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O levantamento apontou que o estado catarinense registrou o maior percentual de casados: 56,1% da população a partir dos 15 anos estava unida pelo casamento no ano passado.

Entre as regiões do Brasil, o Sul alcançou maior o número de casados: 49,7% da população. No Norte, o cenário se inverte: os solteiros foram maioria e correspondiam a 57,8% dos residentes. O Amapá teve o maior índice de solteiros, com 63,9%.

Foi a primeira vez que a PNAD investigou o estado civil dos brasileiros. A pesquisa também levantou dados nas áreas de migração, educação, trabalho, família, domicílio, rendimento, tecnologia da informação e comunicação, divididos entre as regiões brasileiras.

Os índices de cada Estado foram disponibilizados somente em tabelas nas áreas de migração, escolarização, trabalho e domícilios.

Santa Catarina se destacou também em relação ao número de contribuintes com a previdência social. Quase 70% dos catarinenses contribuíram, o que rendeu ao Estado a primeira posição nesse quesito no ranking entre as 27 unidades da federação.

Migração

Avalia a população residente em relação ao municipio e ao Estado. Em 2009, 82,6% das pessoas que moravam em Santa Catarina eram catarinenses, ao passo que 17,4% eram de outras unidades da federação. SC ficou na sétima posição com maior número de pessoas naturais do Estado.

Escolarização

Mediu a escolaridade dos brasileiros de 4 a 5 anos, 6 a 14 anos, 15 a 17 anos, 18 a 24 anos e de mais de 25 anos. O Estado com a melhor posição em todos os níveis foi São Paulo. SC obteve a melhor classificação na faixa etária 7 a 14 anos. Ficou em quarto lugar entre os estados.

A taxa de analfabetismo foi de 2,8% a 4,8%, uma das menores do país. Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Amapá são os estados com menos analfabetos.

Trabalho

Entre os contribuintes com 10 anos de idade ou mais, SC foi o Estado com maior percentual, com 69,9% Os homens catarinenses lideraram a participação na previdência social, com 71,4%, e as mulheres, com 67,9%. Distrito Federal (69,3%) e São Paulo (68,7%) ocupam a segunda e terceira posição no ranking da contribuição da previdência na semana de referência do estudo.

Domícilios

Em 2009, 2,05 milhões de famílias catarinenses residiam em domicílios particulares. SC ficou na nona posição entre os estados brasileiros nesse quesito. O número médio de pessoas por família se manteve o mesmo verificado em 2008: três pessoas.

Dos domicílios catarinenses:

79,1% tinham rede geral de abastecimento de água
28,2% tinham rede coletora de esgoto
24,3% tinham fossa asséptica
92% tinham coleta de lixo
99,8% tinham iluminação elétrica
89,4% tinham telefone

Todos os direitos reservados © 2020

| Rádio Sentinela do Vale - Rua São Pedro, 245 - Centro / Gaspar | Telefone: (47) 3332-0783

by SoftD