Vigilância em Saúde fez Mutirão de limpeza no Cemitério Municipal Gaspar na luta contra a dengue - Rádio Sentinela do Vale

Gaspar / SC
02 de Agosto de 2021

Página Inicial Rádio Sentinela do Vale!

Rádio Sentinela do Vale

Programação

CAFE COM JOTA

05:05h

CAFE COM JOTA

Ouça Agora

Jornal Sentinela

07:00h

Jornal Sentinela

Na sequência



Vigilância em Saúde fez Mutirão de limpeza no Cemitério Municipal Gaspar na luta contra a dengue

14/06/2021 21:53

Na última sexta-feira, dia 11, a Prefeitura de Gaspar, através da Secretaria de Saúde e da Diretoria de Vigilância em Saúde, realizou um mutirão de limpeza no Cemitério Municipal e Capela Mortuária Bom Pastor, no Bairro Santa Terezinha. A ação foi realizada diante da necessidade da intensificação do combate à proliferação de focos da dengue. Já foram registrados em Gaspar, neste ano, mais de 90 criadouros do mosquito distribuídos em todos os bairros. Mediante a situação, a Prefeitura de Gaspar com a colaboração da Secretaria de Obras e Serviços Urbanos e Agentes do Controle de Endemias realizaram um mutirão de limpeza nos cemitérios municipais.   Após as equipes passarem pelos demais cemitérios, sexta-feira foi a vez do principal e maior do município. O do Santa Terezinha. Estes espaços são ambientes propícios ao acúmulo de água, boa parte por conta das flores e vasos. Por isso, se frisa a importância de cuidar do material que é deixado lá. O objetivo da equipe foi remover todo o material que apresentava acúmulo de água parada. O mutirão foi realizado após a passagem de chuva, o que facilitou a varredura. Vasos sem furos, flores artificiais, tampinhas, canteiros, latas de lixo, e demais entulhos foram removidos. “Não podemos afrouxar as medidas de prevenção, este ano estamos com recorde de focos detectados, se comparado a anos anteriores como 2019 e 2020”. Destaca a Secretária Municipal da Saúde, Silvania dos Santos.   A Prefeitura de Gaspar também realiza outras ações de prevenção ao mosquito, agentes trabalham com a colocação de armadilhas em locais estratégicos para mapear onde localizam-se os mosquitos e combatê-los. A equipe de controle também realiza a vistoria nas casas para alertar a população quanto aos cuidados principais e analisar a situação da moradia. Sobre isto, a prefeitura aproveita para comunicar que alguns moradores ainda resistem às abordagens, impedindo os agentes de realizar seu trabalho. O papel da equipe nada mais é que o controle, combate e passar informação sobre o mosquito. Toda a equipe leva identificação e deve estar uniformizada.

   O mosquito fêmea do Aedes Aegypti deposita seus ovos em locais com água parada, se proliferando rapidamente enquanto houver estes ambientes. O mosquito fêmea é transmissor de diversas doenças de grande risco à saúde humana. Como por exemplo a Dengue, Chikungunya, Febre Amarela e o Zika Vírus, que ao picar uma gestante poderá resultar em microcefalia. Os mutirões de limpeza contribuirão para a diminuição de focos, mas a comunidade também deve fazer sua parte ao deixar algum objeto nos cemitérios. Evite flores artificiais, vasos não furados, coloque areia nos pratos dos vasos, use as lixeiras seletivas corretamente. Em casa o cuidado é o mesmo, descarte corretamente pneus e evite acúmulo de entulho.

Para mais informações: Silvania Joanello dos Santos. Secretária Municipal da Saúde. Fone (47) 3703-3700.

Fonte: PMG

Todos os direitos reservados © 2021

| Rádio Sentinela do Vale - Rua São Pedro, 245 - Centro / Gaspar | Telefone: (47) 3332-0783

by SoftD